domingo, 23 de outubro de 2011

UM DIA PARA NÃO ESQUECER... VALEU PENA ESPERAR!


Dia 15 de outubro foi um dia de comemoração e alegria para as crianças inseridas nos projetos da ONG Pão é Vida na comunidade Santo Antônio. Ao contrário de outros anos onde elas recebiam apenas lanches e presentes no dia da criança. 
Em 2011 foi programado um passeio com direito a pic nic.
Levamos as crianças ao município de Taquaritinga do Norte em PE para um dia de lazer e brincadeiras. 
Lições de cidadania aprendidas na teoria, ao longo desses três anos de acompanhamento das famílias foram colocadas em prática...
O grupo de crianças fez bonito! Não jogaram papel no chão, não houve atritos entre colegas durante o passeio, nem pisaram na grama do espaço cedido para as atividades.
Fomos ao município de Taquaritinga para um dia de brincadeiras e praticar lições ensinadas na teoria nesses mais de três anos de convivência com as famílias.
Foi um momento de muita animação e responsabilidade, levar quase 40 crianças e adolescentes para uma  atividade externa exigiu boa dose de cuidado e ajuda das várias mamães.
Fomos conhecer uma fonte de água cristalina no topo da serra e a rampa do Pepeu. As crianças tiveram um comportamento exemplar! Compartilhamos com eles ao fim do dia todo o progresso observado ao logo desses anos e rimos muito, lembrando de uma ocasião no inicio das atividades da Pão é Vida na comunidade, quando algumas crianças mataram uma cobra e estavam surrando outros colegas com a cobra que era usada como chicote, mostramos como eles evoluíram nas atitudes e posturas tendo respeito a natureza e ao próximo.
Joana Darc (eu) que estava completando mais um ano de vida rodeada pelos pequeninos citou palavras que fazem parte de sua vida... Que existem livros quase nunca publicados, cujas páginas somos nós que escrevemos, nelas estão registradas alegrias, desafios e porque não dizer tristezas por  momentos que nem sempre fomos compreendidos...páginas com marcas de lágrimas que rolaram em nossa face ao escrever mais um capítulo. Marcas que nos fortaleceram ainda mais para prosseguir. Somos resilientes a ponto de sairmos mais fortes das maiores adversidades. Isto se torna notório quando enfrentamos problemas. Enquanto vivermos estaremos escrevendo nossa historia, cabe a cada um de nós cuidar de cada capítulo, para que as pessoas possam ler um dia, e essa leitura venha a ser proveitosa, edificante...
Louvamos a Deus pelas virtudes geradas nessas crianças, muitas vezes nos disseram que não valia a pena investir, que elas não mudariam, estavam errados! Deus pode mudar corações ainda hoje Ele não mudou!